(44) 99919-8180
(44) 3029-5025

BLOG

A ergonomia e qualidade de vida

ergonomia-e-qualidade-de-vida

Saiba como a ergonomia pode afetar em sua qualidade de vida!

“É melhor prevenir do que remediar”, o ditado é comum e muito utilizado e se ele pudesse ser personificado com certeza seria a Norma Regulamentadora 17. A NR 17 trata da ergonomia do trabalho que visa promover mais conforto, segurança e eficiência no desempenho e tem a intenção de prevenir problemas como lesões, condições psicológicas e outros fatores como o absenteísmo.

A ergonomia no trabalho conduz a empresa a uma maior produtividade das pessoas e favorece seu funcionamento social. Por outro lado, um ambiente de trabalho disfuncional pode diminuir a produtividade, comprometer o desenvolvimento do trabalho, produzir insatisfações sociais e até mesmo influenciar o desenvolvimento de doenças ocupacionais. Monitorar as condições de trabalho, através da ergonomia, pode ajudar a identificar os fatores que afetam a qualidade do ambiente de trabalho (social e operacional).

 

Ao pensarmos na ergonomia como grande responsável pela satisfação dos colaboradores, também podemos ligá-la a qualidade de vida da equipe. Levando isso em consideração entendemos que o  ergonomista pode sugerir no laudo ergonômico, após uma análise ergonômica da empresa, uma redução do ritmo de trabalho, rodízios e pausas, dependendo da natureza do trabalho. Tudo isso buscando oferecer uma maior qualidade de vida para o funcionário. O empregador, por lei, não pode submeter o funcionário a ritmos ou tarefas além da capacidade psicofisiológica do trabalhador. Isto está descrito claramente na Norma Regulamentadora 7 (NR-7) do Ministério do Trabalho e Emprego.

 

Então se a intenção de sua empresa é prevenir e não remediar e manter talentos satisfeitos com o trabalho a NR- 17 deve ser levada a sério!

WhatsApp chat