(44) 99919-8180
(44) 3029-5025

BLOG

Lesões no trabalho podem indicar necessidade de ergonomia

ergonomia-862x430

Lesões por esforço no trabalho são muito comuns. Nem todas as empresas se preocupam com a ergonomia no ambiente de trabalho, mas deveriam. Investir em um projeto ergonômico, adequar o mobiliário e melhorar a qualidade de vida na empresa, além de dar mais conforto ao colaborador e reduzir os riscos de impacto à saúde, tem influência direta na produtividade. Confira, abaixo, o que fazer na hora de pensar em um projeto de ergonomia para sua empresa.

Ergonomia é qualidade de vida

Muitas empresas se preocupam com a qualidade de vida no trabalho, mas nem todas dão a atenção necessária ao assunto. Um projeto de ergonomia bem elaborado não conta, na maior parte dos casos, com a preocupação dos gestores. Apesar disso, o assunto deveria ser prioridade, pois a ausência de planejamento ergonômico pode levar a distúrbios na saúde física do colaborador.

Qualidade de vida no trabalho está diretamente relacionada aos cuidados com a ergonomia. 

Muitas das lesões por esforço repetitivo acontecem nos ambientes de trabalho. Entre as lesões mais comuns estão as dorsalgias (lesões na coluna lombar) e as tendinopatias – antigamente chamadas de tendinites – nos ombros e nos punhos. Entre as causas mais comuns estão a má postura, o ambiente de trabalho inadequado para os esforços repetidos e até o estresse.

Mas como fazer para evitá-las? A melhor maneira que um gestor pode encontrar para resolver os problemas de ergonomia dentro da empresa é optar por um projeto ergonômico. São vários os pontos a serem contemplados por este tipo de projeto.

O primeiro passo é a adequação ergonômica dos postos de trabalho. Isso deve contemplar também os processos de produção. Além da parte física, deve haver uma preocupação com questões psicológicas e cognitivas – além das lesões nos ombros, punhos e coluna, doenças mentais acabam decorrendo do ambiente de trabalho.

Lembre-se sempre: a otimização do ambiente de trabalho melhora a qualidade de vida, mas também a produtividade dos seus colaboradores. Qualidade de vida na empresa é sinônimo de funcionários felizes e capazes de render mais.

O ambiente de trabalho como um todo também conta. Escritórios bem iluminados, arejados e com temperatura agradável são importantes. Por fim, o plano deve contemplar ainda questões de segurança: é fundamental prevenir acidentes e doenças em geral no ambiente de trabalho.

Dicas de ergonomia para aplicar na sua empresa

Algumas dicas simples de ergonomia, se levadas em consideração na sua empresa, podem ser decisivas para melhorar a qualidade de vida e a produtividade de seus colaboradores. Veja aqui algumas delas:

– Coloque o notebook em uma posição mais elevada em relação à adotada normalmente. Isso pode ajudar a reduzir dores nos pulsos e no pescoço.

– Crie um projeto ergonômico. Pense o que pode ser melhorado, e o que sua empresa irá fazer para operacionalizar essas otimizações.

– Invista também no ambiente. Otimize a iluminação natural, proporcione um ambiente limpo e arejado e mantenha a temperatura sempre em um nível agradável para seus colaboradores.

 

Fonte http://destinonegocio.com/br/gestao/lesoes-no-trabalho-podem-indicar-necessidade-de-um-projeto-de-ergonomia/

 

Foto: iStock, Getty Images