Diagnóstico de Saúde do Trabalho

Tem como objetivo identificar as necessidades de cada trabalhador em relação aos cuidados com a saúde. Através de dados coletados em entrevista identificamos o perfil dos trabalhadores de uma determinada empresa, o que torna possível a empresa promover ações que visam o monitoramento de doenças, identificando os principais agravos na saúde do trabalhador. Essa análise da saúde do trabalhador é fundamental para tomada de decisões e planejamento das ações de promoção, prevenção e agravos de doenças.

Fisioterapia do Trabalho

A FISIOTERAPIA DO TRABALHO É UMA ÁREA DA FISIOTERAPIA QUE ATUA NA PREVENÇÃO,
resgate e manutenção da saúde do trabalhador, abordando diversos aspectos como ergonomia, biomecânica, atividade física laboral e a recuperação de queixas ou desconforto físicos. Tem como objetivo, avaliar, prevenir e tratar distúrbios ou lesões decorrentes das atividades no trabalho, no propósito de melhorar a qualidade de vida do trabalhador, evitando a manifestação de queixas musculoesqueléticas de origem ocupacional ou não, com consequente aumento do bem estar, desempenho e produtividade.
Algumas atuações do fisioterapeuta do trabalho: prevenção do desconforto ou queixas músculo-esqueléticas nas atividades laborais; estudo ergonômico do trabalho, junto à equipe de saúde e segurança do trabalho; intervenções ergonômicas de correção, conscientização ou sensibilização nas empresas; palestras de conscientização, capacitação e treinamento preventivo de doenças ocupacionais; orientações posturais e ergonômicas aos trabalhadores, fora do ambiente de trabalho e nos postos de trabalho durante a execução de suas atividades ocupacional; avaliação postural e análise biomecânica das tarefas nos postos de trabalho, promovendo a adequação do posto e das posturas para um melhor desempenho; desenvolvimento de programas de ginástica laboral; tratamento das patologias ou queixas músculo-esqueléticas, através de ambulatório na empresa ou ambulatório / clínica fora da empresa.
• AVALIAÇÃO PRÉ-ADMISSIONAL E PERIÓDICA:
A Avaliação Pré-Admissional e Periódica da Fisioterapia do Trabalho é realizada para detectar doenças osteomusculares pré-existentes e/ou predisposição a alguma doença em comparação ao posto de trabalho.
Os candidatos podem ser aprovados e ou reprovados para a função, ou ainda, sugerido o encaminhamento para outro posto de trabalho, que não tenha relação com a doença ou lesão pré-existente, identificada pelo profissional, em concordância com o médico do trabalho e política da empresa.
As avaliações podem ser determinadas por periodicidades, como: no período de experiência, na mudança de função ou setor, no retorno ao trabalho (férias ou licença médica), no pré-demissional e reabilitação profissional, ou periodicamente, de acordo com a avaliação da empresa e pelas horas de serviços disponíveis do profissional.
Dentro da Avaliação existe ainda a possibilidade de detecção de possível enquadramento de deficientes físicos, auditivos e visuais, de acordo com a lei 8.213, 25/07/1991, caso necessário.
• AVALIAÇÃO ERGONÔMICA:
Realizadas de acordo com os conceitos propostos na Norma Regulamentadora NR17 e seus anexos, definida pelo Ministério do Trabalho e Emprego.
A Análise da ergonomia do trabalho visa detectar os riscos, as demandas, propor sugestões e aplicações de melhorias no ambiente e/ou posto de trabalho, proporcionando maior bem estar físico/mental à equipe e com correlação homem-trabalho, de acordo com a legislação vigente.
Estas melhorias dependem de observação “in loco”, de estudos detalhados e análises das atividades desenvolvidas, mantendo o cumprimento destas melhorias/mudanças dentro da empresa com a blitz ergonômica auditando e revisando todo o gerenciamento implantado.
A conclusão da Avaliação Ergonômica dos postos de trabalho bem como as devidas sugestões de melhorias, será encaminhada à empresa por Laudo devidamente assinado pelo profissional Fisioterapeuta, seguindo todos os processos instituídos pela legislação vigente com prazo de 12 meses.
• TRATAMENTO AMBULATORIAL:
O Tratamento Ambulatorial da Fisioterapia do Trabalho tem por objetivo realizar o atendimento e tratamento, de queixas de dores relacionadas ao trabalho ou às situações que possam interferir direta ou indiretamente na produção do trabalhador.
Existe a possibilidade também que esses tratamentos possam ser executados pelo fisioterapeuta em local dentro da empresa direcionado com essas funções com a utilização de equipamentos de ultra-som, infravermelho, etc. podendo inclusive substituir o encaminhamento para tratamentos fisioterápicos convencionais em clínicas especializadas, sem a necessidade de ausência do funcionário das dependências da empresa.

Check up médico

CHECK UP MÉDICO
Durante as realizações de consultas ocupacionais nossos médicos levantaram a seguinte situação: muitos funcionários e colaboradores acabam os questionando e procurando tirar dúvidas de saúde, por vezes até solicitando pedidos de exames. Durante a consulta Ocupacional o médico fica restrito a essas informações, pensando nisso a Labore criou o serviço de Check Up.
Diante das atribuições do dia a dia, acabamos deixando de lado o cuidado com a saúde, encontrando sempre alguma desculpa e deixando passar algum sinal que o corpo não está muito bem.
O Check-Up é um modelo prático e rápido de diagnosticar e avaliar a nossa qualidade, sendo composto pelos seguintes exames:
· EXAME CLÍNICO
· CINÉTICO FUNCIONAL
· IMC - Índice de massa corporal
· ECG - ELETROCARDIOGRAMA
· EEG – ELETROENCEFALOGRAMA
· ESPIROMETRIA
· HEMOGRAMA COMPLETO
· GLICEMIA
· COLESTEROL TOTAL
· PERFIL LIPÍDICO
· TRIGLICERÍDEOS
· CREATININA
· SÓDIO
· POTÁSSIO
Para maiores informações, entre em contato, consulte nossos valores e agende um CheckUp para você e sua família!
IMPORTANTE
O que é?
É uma avaliação periódica sobre seu estado de saúde com o propósito preventivo. Ele é indicado justamente pelo aspecto preventivo, antes de acontecer um evento patológico.
Exames
O médico avaliador fará a composição do check-up de acordo com a necessidade de cada indivíduo. Eletrocardiograma, eletrocardiograma de esforço, exames de sangue para função renal, hepática, urina, fezes, etc. Tudo acaba dependendo da avaliação que o médico fará.
Check-up anual
Existem recomendações das sociedades médicas mundiais que variam um pouco, mas acaba dependendo da idade, de doenças associadas, histórico familiar e o tipo de atividade física que uma pessoa quer praticar. Um indivíduo sadio e que faz exercícios de intensidade moderada, abaixo de 45 anos, não precisaria fazer anualmente — existem autores que defendem a ideia de se fazer a cada dois anos nestas condições. Para pessoas com mais idade, portadoras de patologias crônicas, histórico familiar ou que fazem exercícios e esportes de alta intensidade, este tempo é bem menor.
De olho no futuro
Muitas doenças podem ser previnas com um check-up. Por isso que também é necessário a realização dos exames em pessoas sadias. Se não prevenir totalmente, pode-se evitar os efeitos maléficos de algumas doenças.
Ainda não deu tempo de marcar na sua agenda uma consulta com um médico do esporte ou clinico geral? Não vacile.
(Fonte: Doutor Ivan Pacheco, especialista em medicina do esporte e diretor da Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte – SBMEE)